Chutney de Manga

18 copy

 

Chutneys de frutas são tradicionalmente parte de uma refeição ayurvédica, pois ajudam a melhorar o nosso Agni (fogo digestivo). Isto acontece, porque esta preparação é composta principalmente dos sabores picante e ácido, que são sabores capazes de aumentar o nosso Agni, aumentar nosso apetite, estimular as enzimas digestivas e facilitar nosso processo de assimilação e absorção.

Além disso, nesta única preparação, muitas vezes conseguimos combinar os 6 sabores tão importantes numa refeição, mas sempre com algum predominante.

As frutas cruas não são recomendadas em ayurveda durante as refeições, mas quando cozidas junto com muitas especiarias elas apresentam atributos diferentes, o  que as tornam benéficas para o nosso sistema. Mas isso não significa que você vai comer um pote de chutney no almoço.Apenas uma colher ou duas colheres de sobremesa são suficientes.

Tudo em excesso desestabiliza nosso sistema  Não há nada proibido ou perfeito em Ayurveda. Precisamos saber e reconhecer nossas características, o clima que estamos expostos, o nosso estilo de vida, a nossa digestão, os nossos pensamentos, para saber distinguir e escolher de verdade aquilo que realmente pode ser mais propicio para o nosso ser naquele determinado momento.

Chutney pode ser consumido junto das refeições, ou num lanche com torrada, ou pode ser servido as vezes como um aperitivo.

Pode ser armazenado na geladeira por até uns 5 dias, em recipiente bem vedado.

Varias frutas podem ser usadas para preparar chutneys, como manga, abacaxi, tâmaras, damascos, tomate, pêra e sempre acompanhados de especiarias bem picantes.

Este é um chutney que amo, e compartilho aqui com vocês a receita.

Saúde e muito amor a todos.

31 copy

 

Chutney de manga  

 

Preparo:

1 colher de sobremesa de ghee

3 mangas verde cortada em cubinhos

1 colher de chá de cúrcuma

1 cebola roxa pequena

2 cravos

1 canela em pau

1 colher de sopa de gengibre fresco ralado

1 colher de sopa de cominho em grãos

1 colher de chá de páprica picante

2 colheres de sopa de açúcar mascavo

1 pimenta dedo de moça sem sementes, cortada em fatias finas ou 1 colher de chá de pimenta calabresa seca.

1 pitada de sal

1 copo d’água

Esquente o ghee e adicione o gengibre e em seguida o cominho em grão. Quando começar a espumar, adicione a canela, o cravo, cebola, a pimenta dedo de moça e refogue bem. Coloque todos os demais ingredientes e mexa bem. Deixe o fogo baixo, tampe a panela e cozinhe até a manga começar a desmanchar. Desligue o fogo, deixe amornar e coloque em um recipiente ou sirva morno.

7 impressões sobre “Chutney de Manga

  • 16 de novembro de 2015 at 13:44
    Permalink

    adorei a receita de chutney. Apenas gostaria de saber como fica a ingestão de chutney durante o verão, quando não são indicados os sabores picante e ácido?

    Reply
    • 17 de novembro de 2015 at 19:21
      Permalink

      Marcia.
      Alimentos picantes, ácidos não são proibidos no verão. devem ser consumidos com cautela por pessoas muito quentes, com uma constituição ou desequilíbrio de natureza PItta.Chuney é liberado em poucas quantidades conforme indicado no post, e aumentando os outros sabores na refeicao e os demais cuidados necessários. Obrigada pelo contato. Laura

      Reply
  • 15 de novembro de 2015 at 19:57
    Permalink

    Laura, o chutney deve ser comido frio (no caso de armazenar na geladeira)? Se eu esquentar ele no forno ou no microondas ele perde suas características? Fiquei confusa, porque li que alimentos frios diminuem nosso agni.

    Obrigada pela receita!
    Beijo e muita paz.

    Reply
    • 17 de novembro de 2015 at 19:19
      Permalink

      Oi Carolina. Microondas deve ser totalmente evitado da nossa vida. Tire ele da geladeira e deixe em temperatura ambiente. não precisa esquentar. O chutney deve ser em temperatura ambiente ou morno, e ele ja contem muitas especiarias picantes para estimular seu agni. apenas não consuma gelado. obrigada pelo interesse. abraços

      Reply
      • 17 de novembro de 2015 at 19:24
        Permalink

        Imagina! Eu que agradeço pela resposta. Está sendo um prazer enorme aprender sobre ayurveda. Beijos!

        Reply
  • 9 de novembro de 2015 at 23:55
    Permalink

    Gratidão!
    Excelente sugestão.
    Sil na Rede diz.

    Reply
  • 8 de novembro de 2015 at 21:30
    Permalink

    Qual o prazo de validade? pode ser guardado na geladeira por quanto tempo?

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>